“pesquisas úteis à arte de governar os povos”

[…] os avanços técnicos nos instrumentos de cálculo tornaram possível, durante o século XVIII e sobretudo no XIX, o importante desenvolvimento do cálculo económico, político e social. O triunfo do “espírito de cálculo” durante o século das Luzes teve como resultado reforçar o interesse que os sábios e eruditos traziam à abordagem científica quantitativa inglesa, … Continuar a ler

Mónada

Mónada   Do Latim monade e do grego monás, ádos, que quer dizer único. Em Biologia é o organismo ou unidade orgânica diminuta e muito simples. Em Filosofia, segundo Leibniz, cada uma das substâncias simples e de número infinito, de natureza psíquica (dotada de apercepção e apetição), e que não têm qualquer relação umas com … Continuar a ler

Movimento, condição primordial!

A certeza de Leibniz: Quod non agit, non existit            

componentes finitos da realidade

Mónadas de Leibniz . Leibniz  compreende o universo a partir de uma substância una e indivisível: a mónada. Diferentemente de Descartes, que encara o mundo a partir da noção mecânica de movimento, Leibniz  concebe-o a partir da força vital. Se o mundo é, essencialmente, actividade, sendo esta a geradora de todo movimento, as mónadas devem … Continuar a ler

símbolo de multiplicação

O ponto (.) foi introduzido como símbolo de multiplicação por Leibniz. Em 29 de Julho de 1968, escreveu numa carta a Johann Bernoulli: “Eu não gosto de X como símbolo da multiplicação, pois pode ser facilmente confundido com a letra X…”  

OBRAS de e sobre Leibniz

“A alma é o espelho de um universo indestrutível” Monodologia Gottfried W. Leibniz (1646-1716) * Obras de e sobre Leibniz, uma lista com as principais publicações  em português: . ·     Leibniz, G.W.-Novos Ensaios sobre o Entendimento Humano. Lisboa.Colibri.1993 Leibniz, G.W.-Discurso sobre a Teologia Natural dos Chineses.Lisboa.Colibri Leibniz, G.W.-Princípios da Filosofia ou Monodologia.Lisboa.IN-CM. Leibniz, G.W.-Obras Escolhidas1 (Discurso … Continuar a ler

Jung e Leibniz

(..) Mas o autor que Jung mais cita é Gottfried Wilhelm Leibniz. Leibniz explica a realidade através de quatro princípios: espaço, tempo, causalidade e correspondência (harmonia praestabilita). Este último é um princípio acausal de sincronismo dos acontecimentos psíquicos e físicos. Jung discorda de Leibniz em apenas um ponto: para Leibniz este é um factor constante, … Continuar a ler

Sobre a origem fundamental das coisas

De rerum originatione radicali (23.nov.1697) Gottfried Wilhelm Leibniz Além do mundo, isto é, além do agregado das coisas finitas, existe alguma Unidade dominante que o rege e que está para aquele mundo não só como a alma para mim mesmo, ou melhor, como eu para o meu corpo, mas também em um sentido mais elevado. … Continuar a ler

movimento

. “Eu afirmo também que as substâncias, quer materiais quer imateriais, não podem ser concebidas na sua essência pura sem qualquer movimento, movimento que está na essência de qualquer substância.” Leibniz,  G. W  (1646-1716)     

Leibniz, o precursor da Lógica Matemática moderna

    Gottfried Wilhelm von Leibniz (1646-1716)     . . . Leibniz, o precursor da Lógica Matemática moderna A Lógica Moderna começou no século XVII com o filósofo e matemático alemão Gottfried Wilhelm Leibniz. Seus estudos influenciaram, 200 anos mais tarde, vários ramos da Lógica Matemática moderna e outras áreas relacionadas, como por exemplo a Cibernética (Norbert … Continuar a ler

magoamo-nos mesmo uns contra os outros…

“O género humano, considerado na sua relação com as ciências que têm por fim a nossa felicidade, parece semelhante a uma multidão que marcha confusamente nas trevas, sem chefe, nem ordem, nem palavra, nem outras marcas necessárias para regular o seu caminho e para se reconhecer. Em vez de nos darmos as mãos para nos … Continuar a ler

precocidade

Precocidade dos génios matemáticos   O alemão Gottfried Wilhelm Leibniz (1646-1716) é um exemplo da precocidade dos génios matemáticos. Entrou na universidade aos 15 anos para formar-se apenas dois anos depois. Aos 20, publicou o tratado Da Arte Combinatória, no qual formulou a base teórica que seria usado nos modernos computadores, mais de dois séculos … Continuar a ler

primeira máquina de calcular

“Foi o matemático e filósofo alemão Gottfried Leibniz (1646-1716) o primeiro a construir uma máquina capaz de realizar todas as operações aritméticas por meios puramente mecânicos, em 1694. Seu invento nunca foi comercializado mas inovava ao apresentar um visor de posição, a multiplicação e a divisão em posição móvel e um sistema de tambores dentados … Continuar a ler

Filatelia

Leibniz  e a filatelia.

a Filosofia em Leibniz: …mónadas

Substância ou mónada.   Para Leibniz, para que uma coisa seja realmente um ser – uma substância – ela precisa ser verdadeiramente única, precisa ser uma entidade dotada de genuína unidade. Unidade substancial requer uma entidade indivisível e naturalmente indestrutível. Ora, a matéria, como nós a percebemos, é extensa e infinitamente divisível, logo não pode … Continuar a ler

Uma única origem…

*** “A realidade não pode ser encontrada senão em Uma única origem, por causa da interconexão de todas as coisas umas com as outras. Não concebo absolutamente nenhuma realidade sem genuína unidade.”                                                                             Gottfried W. Leibniz (1646-1716)