Os efeitos universais da palavra impressa no pensamento ocidental…

(em português-br)

“É muito fácil comprovar os efeitos universais da palavra impressa no pensamento ocidental depois do século dezesseis, bastando para isso o simples exame dos desenvolvimentos por certo extraordinários em qualquer arte ou qualquer ciência. A linearidade fragmentada e homogênea, que aparece como descoberta nos séculos dezesseis e dezessete, torna-se a novidade popular ou a moda utilitária dos séculos dezoito e dezenove. Quer dizer, o mecaniasmo persiste como “novidade” na idade eletrônica que começou com homens como Faraday. Alguns talvez sintam que a vida seja demasiado valiosa e deliciosa para ser desperdiçada nesse automatismo arbitrário e involuntário.”

Herbert Marshall McLuhan (Julho 21, 1911 – Dezembro 31, 1980)


In: A Galáxia de Gutenberg: a formação do homem tipográfico (1962)

Anúncios

Deixar um apontamento

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: