“Queremos que todos disponham, de igual modo, dos meios necessários para educar a própria inteligência…”

(em português-br) “Queremos que todos disponham, de igual modo, dos meios necessários para educar a própria inteligência, para dar a toda a coletividade os maiores frutos possíveis do saber, da pesquisa científica, da fantasia que cria a beleza na poesia, na escultura, em todas as artes.” Antonio Gramsci (1891-1937) Anúncios

1 (Um) Srang – Tibete

Numismática 1 Srang – Tibete

Um novo conceito de sociedade

(em português-br) «A teoria do Estado de Antonio Gramsci […] pertence a essa nova história, para a qual, em resumo, o Estado não é um fim em si mesmo, mas um aparelho, um instrumento; é o representante não de interesses universais, mas particulares; não é uma entidade superposta à sociedade subjacente, mas é condicionado por … Continuar a ler

Um organismo social unitário técnico-moral

(em português-br) «A concepção de Hegel é própria de um período em que o desenvolvimento extensivo da burguesia podia parecer ilimitado e, portanto, a eticidade ou universalidade desta classe podia ser afirmada: todo o gênero humano será burguês. Mas, na realidade, só o grupo social que propõe o fim do Estado e de si mesmo … Continuar a ler

A política está sempre atrasada em relação à economia

(em português-br) «Nos países de capitalismo avançado, a classe dominante possui reservas políticas e organizativas que não possuía, por exemplo, na Rússia. Isto significa que também as crises econômicas gravíssimas não têm imediata repercussão no campo político. A política está sempre atrasada e bastante atrasada em relação à economia. O aparelho de Estado é muito … Continuar a ler

A passagem do momento puramente económico (ou egoísta-passional) ao momento ético-político,

(em português-br) «Pode-se empregar a expressão “catarsis” para indicar a passagem do momento puramente económico (ou egoísta-passional) ao momento ético-político, isto é, a elaboração superior da estrutura em superestrutura na consciência dos homens. Isto significa também , a passagem do “objectivo ao subjectivo” e da “necessidade à liberdade”. A estrutura da força exterior que subjuga … Continuar a ler

Crianças sírias

                                                                                                                                               crianças sírias

Os jovens deixam-se atrair culturalmente pelos operários…

(em português-br) “A causa do fenômeno italiano, ao que me parece, deve ser buscada na escassa aderência das classes altas ao povo: na luta das gerações, os jovens se aproximam do povo; nas crises de mudança, tais jovens retornam à sua classe (foi o que ocorreu com os sindicalistas-nacionalistas e com os fascistas). No fundo, … Continuar a ler

Não levar em conta o sacrifício dos outros…

(em português-br) “[…] isto é, a persuasão de que uma coisa será feita porque o dirigente considera justo e racional que seja feita; se não é feita, ‘a culpa’ é lançada sobre quem ‘deveria ter feito’, etc. Desse modo, é difícil extirpar o hábito criminoso de negligenciar os meios de evitar os sacrifícios inúteis. Entretanto, … Continuar a ler

Atacar o acaso…

(em português-br) “Sempre estamos na defensiva contra o “acaso”, ou seja, o concurso imprevisível de forças contrastantes que nem sempre podem ser todas identificadas (e negligenciar apenas uma delas impede que se preveja a combinação efetiva das forças que sempre dá originalidade aos acontecimentos), e podemos “atacá-lo” no sentido de podermos intervir ativamente em sua … Continuar a ler

Hegemonia

(em português-br) “(…) toda relação de hegemonia é necessariamente pedagógica que se verifica não apenas no interior de uma nação, entre as diversas forças que a compõem, mas em todo o campo internacional e mundial, entre conjuntos de civilizações nacionais e continentais.” Antonio Gramsci (1891-1937)

Crianças Somali

Estado parlamentar

(em português-br) “A doutrina de Hegel sobre os partidos e as associações como trama ‘privada’ do Estado. Ela derivou historicamente das experiências políticas da Revolução Francesa e devia servir para dar uma maior concreticidade ao constitucionalismo. Governo com o consenso dos governados, mas consenso organizado, não genérico e vago como o que se afirma no … Continuar a ler

A civilização de um Estado

«A escola é o instrumento para formar os intelectuais em diversos níveis. A complexidade da função intelectual nos vários Estados pode ser objectivamente medida pela quantidade das escolas especializadas e pela hierarquização: quanto mais extensa for a “área” escolar e quanto mais numerosos forem os “graus verticais” da escola, tão mais complexo será o mundo … Continuar a ler

As classes expressam os partidos

(em português-br) «As classes expressam os partidos, os partidos elaboram os homens de Estado e de Governo, os dirigentes da sociedade civil e da sociedade política. Deve haver uma certa relação útil e fecunda nestas manifestações e nestas funções. Não pode haver elaboração de dirigentes onde falta a atividade teórica, doutrinária dos partidos, onde não … Continuar a ler

Uma nova cultura

«(…) criar uma nova cultura não significa fazer descobertas “originais‟ individualmente, significa também e especialmente difundir criticamente verdades já descobertas, “socializá-las‟, por assim dizer, e fazer delas a base da acção vital, um elemento de coordenação e de ordem moral e intelectual.» Antonio Gramsci (1891-1937)

The ‘Pyramid Model’ of Regional Competitiveness /”Pirâmide” da Competitividade Regional

“Pirâmide” da Competitividade Regional

Antonio Gramsci

Antonio Gramsci

Promover novas maneiras de pensar

[Para Gramsci intelectual é:] «Um “filósofo”, um artista, um homem de gosto, participa de uma concepção do mundo, possui uma linha consciente de conduta moral, contribui assim para manter ou para modificar uma concepção do mundo, isso é, para promover novas maneiras de pensar.» Antonio Gramsci (1891-1937)

Trabalho filosófico como luta para transformar a “mentalidade” popular

(em português-br) «A linguagem, a língua, o senso comum. Posta a filosofia como concepção do mundo – e o trabalho filosófico sendo concebido não mais apenas como elaboração “individual” de conceitos sistematicamente coerentes, mas além disso, e sobretudo, como luta cultural para transformar a “mentalidade” popular e difundir as inovações filosóficas que se revelem “historicamente … Continuar a ler